X
Menu
X

Você mesmo deve orar

Entre vocês há alguém que está sofrendo? Que ele ore – Tg. 5:13 NVI

Embora pessoas possam (e devam) orar por você, ninguém deve substituir a sua própria prática pessoal de oração. Esta é a verdadeira ênfase deste versículo. A passagem não está afirmando que é errado pedir para outras pessoas orarem por nós. O problema é que muitas pessoas pedem oração, esperando que a outra pessoa ore em seu lugar.

A Palavra de Deus é bastante clara quando nos instrui que além de Jesus, não precisamos passar por ninguém para poder chegar a Deus. Mas se temos este acesso, e se Deus nos encoraja a nos aproximarmos do Seu Trono, então por que as pessoas não fazem isto ao invés de usar intermediários? A resposta é simples: porque elas não se sentem qualificadas ou íntimas com Deus o suficiente para isto. No passado, este tipo de intermediação realmente foi necessária, lá na Velha Aliança. Hoje, não mais.

Todo mundo, quando nasce de novo, conhece a Deus, mas nem todo mundo prossegue em conhecer a Deus. Se não temos intimidade com o Senhor hoje, é porque não prosseguimos em conhecê-lo.

A Bíblia revela que todos nós somos chamados a ter comunhão com Deus. Quando você executar bem este chamado, todos os demais se encaixarão na hora certa e do jeito certo.

Quando analisamos os nomes dos heróis da fé na Bíblia, por exemplo, você percebe um padrão: que a maioria absoluta deles tinha grande intimidade com Deus.

Todos nós devemos desejar fazer grandes coisas para Deus, mas o desejo para obra não deve ser maior do que o nosso desejo de ter grande intimidade com Ele. Deus é mais interessado em você do que no seu serviço. Ele elevou a comunhão com sua igreja a um nível acima do trabalho e serviço à congregação. Veja isto no exemplo da passagem de Marta e Maria.

Na parábola do filho pródigo, ao se arrepender, o filho tentava ser tratado apenas como um servo, para o serviço, mas o Pai o queria mesmo o relacionamento de intimidade de um filho.

Muitas pessoas estão fazendo a mesma coisa hoje: estão querendo tanto servir a Deus, mas acabam perdendo a essência de filho. Não tente ser apenas um servo quando Deus tem feito você um filho. Fale você mesmo com o seu Pai, com intimidade e não dependa de intermediários.

Pr. Darren Wray

Compartilhe
Deixar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Digite os caracteres desta imagem captcha na caixa de entrada

Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada