X
Menu
X

Áudios

Da tristeza à alegria
Em nosso cotidiano há situações que surgem para nos deixar tristes. Contudo, somos possuidores de uma alegria eterna (Isaías 35:10), a qual nem o mundo ou o diabo poderão tirar (João 16:22). Entenda, por meio dessa mensagem, como devemos reagir em momentos de tristeza, pois o nosso Deus é aquele que a converte em alegria (João 16:20).
Honra aos pais
Nessa ministração iremos ver que existe uma recompensa terrena e está ligada à Honra. A recompensa que recebemos quando honramos os nossos pais, independente de serem bons ou ruins, é viver bem e uma longa vida na terra.
Necessidades supridas
Salmos 37:4 – Agrada-te do Senhor e ele satisfará os desejos do teu coração. Os nossos desejos precisam está alinhados com os desejos do Pai, que é o que 1 Timóteo 2:4 nos diz: o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade. Deus é o maior interessado que tenhamos não só os nossos desejos atendidos, mas muito mais, que as nossas necessidades sejam supridas completamente e isso irá acontecer quando atendemos os propósitos do Reino. O paralítico da porta formosa queria satisfazer seus desejos através das esmolas recebidas, Jesus queria ir além. Suprir as suas necessidades, curando-o, para que o Reino de Deus fosse engrandecido, e foi o que realmente aconteceu. Após curado, ele entrou no templo saltando e louvando a Deus.
Plenos no amor de Deus
Plenitude significa completo, pleno ou cheio. É o estado daquilo que foi feito na totalidade, que atingiu a avaliação ou medida máxima. Deus nos criou para termos Relacionamento com Ele e entre nós. A força motora que nos faz ter relacionamentos se chama Amor. Porém não o Amor apenas em seu significado amplo da língua portuguesa mas o Amor de formas específicas como veremos no grego. Nesta ministração você irá entender que existem muitas formas de Amor e o objetivo e propósito de cada um, porém, somente um deles é capaz de nos completar.
Renovando a mente sobre ser próspero
Em João 1:2, o apóstolo João deseja a Gaio que este seja próspero na mesma proporção da prosperidade da sua Alma. Isso nos faz observar que a prosperidade, já conquistada na cruz por Jesus Cristo, deve iniciar sua ativação em nossa alma (ou mente), para que possa se materializar em nossas vidas.Para tal, devemos saber quem SOMOS, o que TEMOS, o que PODEMOS e também ONDE ESTAMOS com Cristo Jesus. Através da Renovação da nossa mente e compreendendo definitivamente o que Cristo fez por nós em Gálatas 3:13 e 2 Coríntios 8:9, devemos tomar posse daquilo que Jesus conquistou na cruz do calvário em relação à nossa Provisão e Prosperidade. Entendendo princípios elementares de Trabalho (receita), Semeadura (investimentos) e Celeiros (poupanças), podemos viver uma vida usufruindo de estarmos sentados à destra do trono (Centro de poder), juntamente com Cristo Jesus.
Faça valer a pena
1 Tessalonicenses 4:13, Paulo nos alerta sobre ser ignorante a cerca de um assunto, de não ter as informações corretas. E ele pontua dois grupos de pessoas, os que não tem esperança e os crentes. Os crentes tem esperança! Nós que temos esperança vamos ficar parados diante do mundo que não tem? Atos 17:15, o que Paulo via ao seu redor afiava, estimulava seu espírito a fazer alguma coisa. Ela sabia o que via entristecia o coração de Deus. Deus fez um investimento na humanidade, criou o Éden e tudo que nós precisávamos, depois enviou Jesus, depois derramou o Espírito Santo. Investimentos altos da parte de Deus. Ele tem expectativa na colheita como todo bom investidor. Você é fruto desse investimento, e outros estão aguardando por esta boa notícia.
Faça valer a pena
1 Tessalonicenses 4:13, Paulo nos alerta sobre ser ignorante a cerca de um assunto, de não ter as informações corretas. E ele pontua dois grupos de pessoas, os que não tem esperança e os crentes. Os crentes tem esperança! Nós que temos esperança vamos ficar parados diante do mundo que não tem? Atos 17:15, o que Paulo via ao seu redor afiava, estimulava seu espírito a fazer alguma coisa. Ela sabia o que via entristecia o coração de Deus. Deus fez um investimento na humanidade, criou o Éden e tudo que nós precisávamos, depois enviou Jesus, depois derramou o Espírito Santo. Investimentos altos da parte de Deus, Ele tem expectativa na colheita como todo bom investidor. Você é fruto desse investimento, e outros estão aguardando por esta boa notícia.
Habilitados para prosperar
Deus deseja que todos nós andemos em prosperidade. Contudo, é importante entender que existem inimigos que podem nos impedir de prosperar e princípios que nos impulsionam a prosperar. É importante alinhar o coração com o propósito de Deus, e saber administrar aquilo que já temos, pois Deus nos dá força e habilidade para adquirir riquezas, começando por aquilo que já está em nossas mãos. Exercendo domínio sobre o que eu já tenho, eu posso correr com velocidade para o alvo onde Deus quer que eu chegue.
Equilibrando Dons e Frutos
Os dons foram distribuídos para a igreja, a fim de, sua edificação e também para o serviço. O fruto do Espírito, por sua vez, se manifesta com 9 características em nossa vida. O que comprova a maturidade de um crente não são os dons (embora estes sejam fundamentais para o fortalecimento da igreja), mas sim o seu crescimento no Fruto do Espírito. É o governo de si mesmo quem define sua maturidade e poder de tomar decisões guiadas pelo Espírito Santo. Nesta ministração aprenda um pouco mais sobre o equilíbrio destes dois importantes aspectos da nossa aliança em Cristo Jesus.
A utilidade da palavra
Nessa ministração iremos ver que a palavra é útil para, Habilitar para toda boa obra, ensinar e corrigir. A sua prática nos faz inabaláveis e bem sucedidos.