X
Menu
X

Dia Verbo da Vida de Missões

No último domingo de agosto (28/08), a Igreja Verbo da Vida de Juazeiro (BA) esteve envolvida na comemoração do Dia Verbo da Vida de Missões que marca a chegada ao Brasil do casal Bud e Jan Wright, fundadores do Ministério Verbo da Vida. O Pr. Sérgio Brito, líder local, dirigiu o culto passando um vídeo narrando a trajetória desse casal que sob a direção do Espírito Santo deixou o conforto de sua nação para pregar o evangelho e trazer libertação ao povo brasileiro, cumprindo o ide do Senhor.
Logo em seguida ele convidou o Pr. Alex Rodrigues, co-pastor da IVV Juazeiro, que saudou todos os presentes com a frase “Boa noite, sejam bem-vindos em Nome de Jesus” em 10 idiomas.
O Pr. Sérgio então, convidou a ministra e professora do Rhema Brasil, Ingred Maia que começou falando sobre estarmos atentos a onda do Espírito Santo que está varrendo o sertão nordestino. Ela disse “que é necessário estar dentro da água para pegar a melhor onda e não ficar esperando na margem”, exortando a igreja a se manter cheia do Espírito diante da grande colheita que antecede a vinda do Senhor Jesus.
Ela contou um pouco do seu testemunho e de como o Senhor a chamou para fazer missões no interior do Piauí, em especial na cidade de Alegrete do Piauí, uma cidade com cerca de 7.000 habitantes no sertão, contrariando o seu desejo de ir para uma outra nação. Pela fé e sobre a direção do Espírito, ela largou o conforto, emprego e um bom salário para iniciar uma nova obra em Alegrete.
Durante um ano pregou a Palavra indo de casa em casa sem que ao menos uma pessoa se convertesse, porém, não desistiu e os primeiros frutos estão sendo colhidos. Pessoas estão se convertendo e se envolvendo na obra do Senhor, transformando o cenário daquela região.
Finalmente, ela exortou a todos dizendo que missões começa em “casa” e que Deus tem planos  – alcançar as pessoas de nosso bairro, cidade e região e que para isso, precisamos estar envolvidos com as atividades da igreja local.
O Pr. Sérgio então, fez o apelo e duas pessoas se reconciliaram com Cristo. Logo depois, ele convidou a frente as pessoas que vieram caracterizadas com roupas típicas de outras nações, num momento de descontração e alegria para todos.

Compartilhe
Deixar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *