X
Menu
X
Igreja Evangélica Verbo da Vida
Paulista Litoral

Vivendo a unidade

 Pr. Wilson Junior

 Pastor Auxiliar

 

 “Rogo-vos, irmão, pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que faleis todos a mesma coisa e que não haja entre vós divisão; antes, sejais inteiramente unidos, na mesma disposição mental e no mesmo parecer.” 1 Coríntios 1.10

Neste versículo o Senhor nos exorta na carta de coríntios escrita por Paulo que, devemos ser unidos como corpo de Cristo. Nos dias de hoje devemos zelar pela unidade em nosso meio, mesmo parecendo ser tão óbvio para os cristãos, muitas vezes por causa do egoísmo e da soberba em se manter sempre certos, algumas pessoas tem se embaraçado com situações e pensamentos alimentados pelo seu próprio ego, e esquecido do que Deus fala em Filipenses 2.3: “nada façais por contenda ou por vanglória, mas com humildade cada um considerando os outros superiores a si mesmo”.

Em Salmos 133.1-3 fala da importância dos irmãos viverem em união, e que no meio da unidade Deus ordena a benção, não que devamos fazê-lo por interesse nas bênçãos, mas fazer com o coração sincero a ponto de merecer as bênçãos.

Podemos ver que Paulo fala sobre unidade apresentando algumas condições para alcança-la:

“… inteiramente unidos…” – de forma completa, total, não parcial. Nesta condição percebemos que nossa relação com os irmãos deve ser sem reservas, não apenas um grupo reservado, alguns irmão que nos damos o luxo de “escolher” ser unido, quando na verdade Deus escolheu a todos. Sermos inteiramente unidos em cada membro representado por cada irmão, unidos ao corpo de Cristo na sua totalidade.

“… mesma disposição mental…” – com vontade, animação, entusiasmo. Quando estamos dispostos a algo, temos desejo de realizar com alegria. Tenhamos prazer na unidade do corpo de Cristo, vontade de permanecer em união, quando nos comportamos desta forma a unidade em nosso meio não será quebrada.

“… mesmo parecer.” – forma de pensar, opinião, assemelhar-se. Quando somos unidos com uma pessoa em particular, geralmente ficamos parecidos com ela na forma de pensar, falar e até mesmo se vestir. Nossa união deve ser de tal forma que ficaremos parecidos um com outro, nas mesmas atitudes e modo de falar.

Em 1 Coríntios 12.18-27, vemos a importância que Deus dá ao corpo, a forma como Ele dispôs cada membro individualmente de forma que um não vive sem o outro, nem é mais importante que o outro, se um sofrer todos sofrem, quando um é honrado todos são honrados. Colocou Cristo como cabeça, de onde vem toda a sabedoria e direção. Devemos zelar considerar importante àquilo que Deus considera importante a ponto de estabelecer.

Unidos somos mais fortes!

Compartilhe

Um comentário em “Vivendo a unidade

Valter Jorge e Silva comentou:

muito bom esse trabalho e de grande espiritualidade.

Deixar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *