X
Menu
X

Bruno César

Vencendo o medo
Nesse período, as pessoas têm sido cercadas por notícias ruins e pressões por todos os lados. E não há problema em sentir medo. Moisés, Jeremias e Gideão sentiram medo ao ponto de tentar convencer a Deus de que não eram capazes de enfrentar os desafios que os cercavam. Mas a questão principal é o que você faz com o medo. Ou você o domina ou ele irá te dominar. Jesus pagou o preço para inaugurar uma nova estação onde pela fé você pode viver a realidade espiritual que ele conquistou para você. Então ouça a Palavra, creia, medite Nela, fale a Palavra e aja conforme a Palavra. Pode ser que assim como aqueles 3 jovens hebreus que estavam na Babilônia, Deus não te livre “da” fornalha, mas “na” fornalha. A crise e a circunstância estão aí. Mas o Senhor manda dizer: Vai passar, Eu Sou Contigo!
Que venha o meu Rei
Muitas mensagens têm se propagado nos últimos dias sobre o final dos tempos, princípios das dores e volta de Jesus. Nessa mensagem, você poderá aprender à luz das escrituras como discernir as mensagens que tem ouvido e ainda aprender verdades poderosa sobre a volta do nosso Rei Jesus. Maranata!
Seminário de Verão – Ofício do Mestre
O dom ministerial do mestre é levantado para ensinar e inspirar a igreja no zelo e amor a Palavra. Aqueles que ensinam devem se esmerar no fazer, e a igreja deve entender que disciplina e diligência não são atributos exclusivos aos mestres, mas a todo Filho de Deus que deseja alcançar um lugar de maturidade. O amor e o zelo à Palavra vão nos manter saudáveis espiritualmente e com acesso ao estilo de vida desejado por Deus para os Seus filhos: A vida por fé.
Como ser guiado pelo Espírito
Muitos filhos de Deus tem deixado de usufruir uma vida consciente da vontade de Deus por falta de conhecimento da Palavra. A Bíblia deixa claro que o desejo de Deus é que conheçamos a sua vontade, e não que vivamos uma vida se perguntando qual é a vontade de Deus ou ainda esperando situações acontecerem ao nosso redor para “adivinhar” o que Deus quer. Na nova aliança, o desejo de Deus é nos guiar não através de sinais, confirmações e fatos exteriores, mas sim pelo seu Espírito em nosso espírito. Temos em primeiro lugar a Palavra para nos orientar de maneira geral e ainda o Espírito Santo que nos conduzirá em triunfo. Uma vez que ajustarmos nossas vidas e nos alinharmos a essas verdades, poderemos decolar como um verdadeiro foguete projetado por Deus.
Crendo, falando e festejando
O espírito da fé envolve crer e falar. Não são nossas próprias forças ou nossas lágrimas que movem a mão de Deus. O justo deve viver pela fé. Sendo assim, o que irá mover a mão de Deus é crer, falar e se alegrar celebrando a vitória. A Palavra de Deus é mais poderosa do que qualquer outra arma conhecida, e a celebração é a atitude de quem recebeu o que pediu antes mesmo de ver. Viva pela fé, fale a Palavra e festeje com muita alegria para viver os melhores dias sobre a terra.
Habilitados para prosperar
Deus deseja que todos nós andemos em prosperidade. Contudo, é importante entender que existem inimigos que podem nos impedir de prosperar e princípios que nos impulsionam a prosperar. É importante alinhar o coração com o propósito de Deus, e saber administrar aquilo que já temos, pois Deus nos dá força e habilidade para adquirir riquezas, começando por aquilo que já está em nossas mãos. Exercendo domínio sobre o que eu já tenho, eu posso correr com velocidade para o alvo onde Deus quer que eu chegue.
Alcançando um galardão completo
Jesus está voltando e por conta disso há um último grande avivamento acontecendo. Devemos estar atentos à Palavra de Deus e influência do Espírito para pregar a Palavra gerando salvação na vida daqueles que nos cercam, desenvolver a nossa vida em fé e temor diante de Deus, estar atentos às ciladas que o diabo tenta formar para nos parar e nos alegrar sabendo que Deus tem um galardão reservado para nós. Não precisamos temer a volta de Jesus, mas nos alegrar com um futuro glorioso.
O Espelho do coração de Deus
Para se viver uma vida conforme a vontade de Deus, é importante se atentar para alguns aspectos. Dentre eles, viver segundo uma fé genuína baseada na Palavra e não no natural ou circunstâncias. Também é importante focar nos princípios ao invés das regras, pois as regras mantém o foco no medo de fracassar e na punição como resultado. Já os princípios focam na alegria de ser bem sucedido, no cumprimento e na realização como resultado. A lei ou mesmo qualquer conjunto de regras, jamais fez o homem ser pleno em Deus, mas a graça por outro lado é a capacitação para alcançar essa vida de santidade.
Amados, de Gênesis a Apocalipse
O conhecimento de Deus e de Seu plano para a humanidade é uma revelação progressiva. Essa é uma das bases para entender melhor a Bíblia. O Novo Testamento deixa isso claro, por exemplo, quando Paulo fala, no capítulo 3 da carta aos Efésios, sobre a dispensação da Graça (Efésios 3:2) e do mistério (Efésios 3:9). Pedro chega a dizer, em sua primeira epístola, que os profetas da Antiga Aliança não sabiam quando iria se cumprir o Plano de Salvação que Deus reservou para nós, ainda que os anjos desejavam pesquisar e entender sobre essas coisas (1 Pedro 1:10-12).
Do Egito à promessa
Se você deseja provar a totalidade do plano de Deus para sua vida, é importante ter a mentalidade correta. Em Cristo somos livres, mas ainda existem pessoas que têm sua mentalidade cativa como se estivessem no Egito. Já o deserto era um lugar de transição, onde Deus mandou seu povo ir para celebrar (Êxodo 05:01), ou seja, lugar também de festa! O deserto é um lugar de milagres onde Deus supre cada uma das necessidades. A terra prometida é o lugar onde a necessidade do milagre cessa. O maná não cai mais do céu, é necessário batalhar, possuir a terra e ainda plantar, cuidar da terra e colher.