X
Menu
X

unção

Seminário de Verão – Ofício do Pastor
O primeiro episódio do Seminário de Verão 2020 tratou sobre o ofício do pastor. O pastor tem características especiais que fazem de seu ofício peça fundamental para a edificação da igreja de Cristo. Governo, inspiração e apascentamento são características que precisam estar evidentes num pastor que presida uma igreja. O pastor é para a igreja o maestro que rege todos os outros dons, responsável pelo ambiente e pela cultura de uma igreja para que suas ovelhas possam se alimentar, saciar a sede e serem protegidas. Conheça mais detalhadamente, nesta ministração, os cuidados que devemos observar para honrar devidamente a este dom e a esta unção, tão específica e importante para a Igreja de Cristo na nova aliança.
Compreendendo o processo
O Espírito está se movendo para nos colocar em movimento. Se vamos acelerar é porque acelerando vamos avançar, precisamos entender de onde vem a força para o movimento. Quem é o agente que vai nos impulsionar para frente? É ela, a Unção. Unção – Deus derramado, Deus esfregado. As palavras foram liberadas, a unção já está disponível, mas nós vamos observar o processo para que as promessas se cumpram. Números 12 – O povo atrasou sete dias para entrar na terra porque Miriã e Arão não observaram princípios. Não vamos perder a unção, o propósito no meio do caminho. Vamos perseverar e cumprir a corrida.
Transmissores de Unção
A Unção é derramada sobre alguém ou alguma coisa para torná-lo diferenciado (separado e específico) para uma função. Nós ,Cristãos, devemos nos identificar com Jesus o Ungido, já que ele subiu aos céus para que o Espírito que estava sobre ele viesse sobre toda a sua igreja. A igreja deve se identificar com Cristo (o ungido) e assim assumir aquilo que a palavra fala sobre ela, assim como Jesus o fez: “O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos, e apregoar o ano aceitável do Senhor.”(Atos 4:18-20) Se realmente hoje não somos nós quem vivemos, mas Cristo vive em nós, carregamos conosco esta unção e somos capazes de transmiti-la a todos que nele crerem.
Quinta Profética com Elia Nicholas
Um culto especial de derramamento e poder do Espírito Santo através da palavra profética. Assim foi a Quinta Profética com a Ministra americana Elia Nicholas. Desfrute você também dessas palavras proféticas e seja fortalecido pela unção que há na Palavra de Deus.
A unção para cura
A unção é a capacitação por meio do Espírito Santo para fazer algo. Na velha aliança o óleo era derramado sobre os Reis, Profetas e Sacerdotes. Na nova aliança o Espírito Santo vem sobre nós para nos tornarmos Testemunhas de Cristo ( produzir evidências que Ele vive). O mesmo Deus que ungiu Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com poder para fazer o bem e curar os oprimidos do diabo (Atos 10:38), ungiu também seus discípulos para andar na mesma autoridade (Mateus 10:01). A unção é para curar a nós mesmos, mas também para transmitir esta cura. Somos Transmissores de cura nesta aliança!
A Unção para sermos testemunhas
Fomos chamados para testemunhar, designados a viver como Jesus viveu sobre a terra e só há uma maneira de manifestar esse estilo de vida: usufruindo da mesma unção que Cristo que usou. A unção é a capacitação para fazer algo. Basicamente, fomos habilitados por Deus através da Sua unção para um propósito, um fim proveitoso, ou seja, não fomos habilitados ou ungidos para, somente, percebê-la, manifestá-la de forma superficial, “engordar”, mas fomos capacitados a atuar no propósito de Deus. Essa unção nada mais é que o próprio Espírito de Deus habitando em nós, nos fazendo sua morada, sua casa. Por isso, temos a responsabilidade, como bons hospedeiros, de não entristecer nosso hóspede tratando-o sempre com zelo e cuidado, preservando um relacionamento profundo com Ele.
Os dons para edificação da Igreja
Os 5 dons ministeriais foram distribuídos pelo próprio Jesus com vista ao nosso aperfeiçoamento, desempenho do serviço, edificação do corpo de Cristo e para não sermos conduzidos de forma errada mas para que o Corpo de Cristo cresça e frutifique. Devemos saber administrar os Dons junto com a Palavra, a Unção e o Fruto do nosso espírito recriado. Nesta ministração aprenderemos a observar os 5 princípios de como efetuar este crescimento em nossas vidas.
A Unção para sermos testemunhas
A Unção representa a presença do Espírito Santo nos capacitando para algo que não poderíamos fazer sozinhos ou naturalmente. Nesta ministração iremos entender o que é, como age e o propósito da unção. Vamos conhecer um pouco mais sobre o Espirito Santo dentro e sobre. Pois devemos perseverar em ter relacionamento com aquele que é o agente da Unção !
Não Ande na Reserva
No Antigo Testamento, a chama do altar deveria arder continuamente, sem nunca se apagar diante do Santo dos Santos. A Nova Aliança estabelece que o altar é o coração do homem, onde a chama do Espírito Santo deve arder continuamente. Devemos nos encher do Espírito Santo a cada dia para que essa chama jamais se […]
Honrando a Visão